DICAS: ATIVIDADES COM CANTIGAS DE RODA

INTRODUÇÃO - A MAGIA DAS CANTIGAS

Existe um momento na vida da criança, em que ela ainda não consegue dissociar suas fantasias e a realidade da qual participa. Ao mesmo tempo que conhece e aceita o que constata à sua volta, crê que pode ter ilusões e mergulha na fantasia. Entre a certeza do real e o desejo do irreal, a criança transita entre aceitar a realidade e viver no sonho.

A criança cria para si o espaço do brinquedo para fortificar sua confiança e ajudar a elaborar pequenas desilusões.

No brinquedo de roda, consegue a criança através das cantigas conservar a tranqüilidade que permite perder e encontrar, dar e receber sem medo.

Nas cantigas de roda ela é ora o centro, ora o coro, apresentando o estado onde se fundem a independência e a necessidade do outro.

As cantigas de roda permitem o estado intermediário entre a ilusão e a realidade, e se constituem num exercício da continuidade e ruptura que necessita para investir na conquista de si e do mundo.

De mãos dadas com seus amigos, a criança sente que pode fazer e desfazer o jogo com a segurança da amizade que sobrevive e fortalece sua identidade no grupo. Com o grupo, ela compartilha seu mundo eterno trazendo a alegria para si mesma e, carregando para todos os momentos da sua vida a certeza de que pode superar a dor e encontrar uma forma de ser feliz.


COMO FAZER BRINCADEIRAS DE RODA

Os CD´S   "AS 20 MAIS BELAS CANTIGAS DE RODA" volumes 1 e 2, trazem coreografias correspondentes a cada música e como poderão ser dirigidas as cantigas e brincadeiras de roda passo a passo.

O objetivo é a formação da criança e promover a integração social no sentido coletivo. De forma simples e agradável é possível, através dessas cantigas melhorarem o ambiente escolar, familiar e promover a educação para a música.

EXEMPLO: faixa nº 6 - AS 20 MAIS BELAS CANTIGAS DE RODA Vol. 2

Ah, eu entrei na roda
Para ver como se dança
Eu entrei na contra dança
Eu não sei dançar

Lá vai uma, lá vão duas
Lá vão três pela terceira
Lá se vai o meu amor
No vapor da cachoeira

Sete e sete são quatorze
Três vezes sete, vinte e um
Tenho sete namorados
Mas  não gosto de nem um

Namorei um garotinho
Do colégio militar
E o danado do garoto
Só queria me beijar

COREOGRAFIA

Inicia a brincadeira com a criança fora da roda. A mesma que começa o "diálogo" entrando na roda. Ao término das estrofes, a criança que iniciou a brincadeira escolhe um sucessor, este podendo alterar a letra da música a partir da segunda estrofe, sempre mantendo o refrão que é da primeira estrofe.


COMO UTILIZAR O PLAY-BACK

Os CD´s   "Calendário Feliz" e "As 20 mais Belas cantigas de Roda" volumes 1 e 2, além da faixa de canto, contam com uma faixa de play-back que permite ao educador desenvolver a formação de um coral, facilitar as crianças a improvisarem versos e envolver elementos lúdicos das brincadeiras tradicionais.

EXEMPLO: faixa nº 22 - AS 20 MAIS BELAS CANTIGAS DE RODA Vol. 1

um dia um lindo dia
reluz em ouro em pó
Mi assim que eu chamo a mim
é fácil decorar
Sol o nosso amigo sol
é bem longe daqui
Si indica condição
Depois disso vem o .


O educador poderá trabalhar as notas musicais em ordem ascendente (DO a SI). Com a faixa de play-back a criança terá a oportunidade de memorizar as notas. A roda poderá girar para a direita e depois para a esquerda, quando repetir a música.

VÍDEOS